Batizado - O papel do padrinho é muito importante na vida do afilhado - Oração - Igreja - Batismo - Fotos.

Os Padrinhos

Na Igreja primitiva, a vida cristã era muito difícil e incerta. Havia perseguições aos cristãos, as guerras eram constantes e muitas pessoas morriam prematuramente. Sendo assim, havia a possibilidade de após a morte dos pais, a criança batizada ficar aos cuidados de uma família pagã. Para evitar isto, a Igreja passou a adotar padrinhos, e estes assumiam o papel de pais espirituais. O papel do padrinho é muito importante. Os deveres dos padrinhos são grandes e fazem parte do próprio ritual do batismo. Por isso, exige-se que os padrinhos sejam também batizados e que, recebam instrução sobre os deveres e responsabilidades que assumiram.

Sugestões para os Padrinhos

As sugestões que aqui fazemos a você poderão ser úteis no desempenho das suas responsabilidades:

1- Adquira sempre o hábito de orar por seu afilhado.
2- Cultive a amizade do seu afilhado. Multiplique os contatos proveitosos. Lembre-se dos seus aniversários de nascimento e batismo, enviando-lhe uma carta ou lhe oferecendo um presente adequado.
3- Quando seu afilhado já tiver idade suficiente, faça com que ele seja matriculado na Escola Dominical da Igreja e que a freqüente com a devida assiduidade.
4- Encoraje-o para que ele esteja sempre presente aos ofícios religiosos da Igreja.
5- Esforce-se para que ele possua a Bíblia e o Livro de Oração Comum e que os leia.
6- Esteja sempre que possível, em sua companhia durante os Ofícios Religiosos da Igreja.

Oração do Padrinho

Ó Senhor Jesus Cristo, que tomas as crianças nos braços de Tua misericórdia e as fazes membros vivos da Tua Igreja, concede graça, eu Te suplico, ao meu afilhado para que ele cresça na tua fé, obedeça à Tua palavra e persevere em Teu amor, a fim de que, fortalecido por teu Espírito Santo, possa resistir às tentações, vencer o mal, regozijar-se na vida que agora é, e habitar contigo na vida que há de vir, pelos teus méritos, ó misericordioso Salvador que com o Pai e o Espírito Santo, vives e reinas um só Deus, pelos séculos sem fim. Amém.

Qual o sentido do uso da água, óleo e vela na celebração do santo Batismo?

“Qualquer pessoa que tenha participado de uma celebração do Santo batismo deve ter percebido o uso de elementos visíveis que tentam traduzir o profundo simbolismo da iniciação cristã marcada por esse sacramento. A água, o óleo e a vela (círio) são os sinais externos visíveis. A água simboliza a morte para o pecado e o ressurgir para uma nova vida. O óleo simboliza a unção (escolha) do Espírito Santo que nos consagra para essa nova vida. Por fim, a vela batismal simboliza a luz do Cristo ressurrecto e vitorioso que nos ilumina nos caminhos da vida”.